• Tajá

Brasil Sabor tem originalidade, gostos e prazeres

Atualizado: 29 de Mai de 2019

O maior festival gastronômico do mundo acontece também no Amapá e traz cultura,

inovação e desenvolvimento


Por Renata Santos


Cozinhar é muito mais que sobrevivência, é demonstração de afeto, um ato de amor. Um bom tempero e um bom preparo podem desencadear em cada pessoa ao provar uma receita, momentos do mais puro deleite. Pensando nisso, surgem os festivais gastronômicos que além de promover prazer ao paladar, proporcionam desenvolvimento e inovação.


O Festival Brasil Sabor é o maior festival gastronômico do mundo, elevando a culinária de cada região do país. Celebrar as raízes, sabores, ingredientes, receitas e características de toda a nação de Norte a Sul, é a marca do festival. Tradicionalmente, o evento busca estimular a criação de novas receitas através da utilização de ingredientes e técnicas de preparo locais.


Brasil Sabor Foto: divulgação

Vários restaurantes participam do festival preparando um prato totalmente novo ou fazendo releituras de receitas, buscando sempre valorizar os ingredientes locais. O evento é idealizado pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (ABRASEL) em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), Prefeitura Municipal de Macapá e Governo do Estado do Amapá.


O Brasil Sabor chegou à sua 14ª edição com o tema “Original do Brasil”, almejando valorizar o que há de melhor na gastronomia brasileira.


Em Macapá, a ABRASEL, através do festival, busca evidenciar os produtos, a cadeia produtiva, os profissionais e principalmente valorizar o público que prestigia o evento.

“Pensar fora da caixa”. (Yukio Nagano)

O mercado gastronômico está cada vez mais competitivo, a inovação faz parte do processo de aprendizagem, melhoria e crescimento, um produto inovador é constantemente alvo de destaque.


De acordo com o presidente da ABRASEL, Chef Yukio Nagano, ao idealizar um novo produto para ser apresentado no festival, o participante passa por um processo criativo. “O participante pensa um pouquinho mais fora da caixa, porque é um momento em que se dedica à criação”, afirmou.

Engrenagens do desenvolvimento


Na capital tucuju o foco principal do Brasil Sabor é valorizar os insumos locais, sensibilizando seus participantes a adquirirem produtos oriundos do Estado, fazendo girar a roda da economia local. A realização do festival impulsiona a criação de novos produtos no segmento alimentício e a sua divulgação.


O Amapá tem grande potencial para alavancar seu crescimento fundamentado em seus insumos. Paralelo à realização do festival, há a criação de novos produtos experimentais desenvolvidos no Instituto Federal do Amapá (IFAP) a partir de matéria-prima com baixo valor comercial, agregando valor ao sabor e textura. Segundo a professora e engenheira de alimentos, Elida Viana, a criação desses produtos pode movimentar a economia do Estado. “Essas formulações resultam em um ótimo produto, já que são ricos em proteínas e nutrientes, tudo isso com um preço bom. O desenvolvimento desses produtos pode se tornar empreendimentos, gerando emprego e renda”, contou.


A busca pelo novo


A sociedade está cada vez mais imediatista, dessa forma busca incessantemente algo novo, já que cada vez mais rápido algo se torna “velho” e ultrapassado.

“Experimentar algo diferente mesmo que seja completamente desconhecido” - Leandro Pereira.

Esse é o maior incentivo para criar um novo produto, seja no segmento alimentício ou não. O Chef Leandro Pereira, participante do festival, conta que a maior motivação para criar uma receita é pensar que as pessoas sempre buscam o novo. “As pessoas, não só como clientes, buscam diariamente algo novo, experimentar algo diferente mesmo que seja completamente desconhecido”, disse.

Clay Alisson Foto: divulgação

Partindo dessa premissa, surgiu o “Temeroso Clay Alisson”, um delicioso e suculento hambúrguer com uma fusão de queijo parmesão, uma verdadeira experiência saborosa e única. “É até empolgante falar dele já que foi um experimento, sempre nos deixava com vontade de experimentarmos mais e mais”, contou o Chef.


O festival


A feira gastronômica realizada no Sebrae/Macapá, conta com vinte expositores, onde cada um traz um prato novo ou uma releitura inovadora. Os visitantes podem participar do tour gastronômico pelo valor de R$12,00.

O festival traz:


-Feira do campo, onde os visitantes podem comprar insumos orgânicos;


-Feira de artesanato, valorizando os saberes populares, com utensílios gastronômicos;

Eixo Cultural


-Aula-show: Apresentação dos chefs ao público ensinando técnicas culinárias, com a participação de Chefs de outros estados;


-Apresentações artísticas musicais.


Confira os pratos participantes:

  • Cupim 313 - 313 Restaurante

  • Limão Cacau - Chopp da Vovó

  • Burger Búfalo do Marajó - Delivery Burger

  • Costela dos Pampas- Haus Bier

  • Peixe ao Molho do Cerrado - Japan Restaurante

  • Baião Cremoso “Lampião e Maria Bonita- Katia Buffet

  • Antony Garibaldi - Kings Chef

  • Yakissoba Samaúma Sushi - Mayumi Sushi

  • Delícia da Amazônia - Restaurante Bom Sabor

  • Bobó de Camarão - Restaurante Cantinho Baiano

  • Espetinho Divinoso - Restaurante Divina Arte

  • Arroz Pai D'égua - Restaurante do Sarney

  • Arroz Cangaceiro - Restaurante Dom Garcia

  • Fettuccine Alfredo Com Camarão Rosa - Royal Hotel e Gastronomia

  • Burger do Sertão - Rustic Hamburgueria Artesanal

  • Poker Carioca - Sakaya Poker Bar

  • Arroz Caldoso Defumado - Salviano Charcutaria

  • Arroz de Pato Marajoara - Soul Bistrô

  • Maracujá da Vovó - Vó Kátia

  • Burger Clay Alisson - Wanted Food Master

O festival Brasil Sabor em Macapá tem a duração de três dias, com início em 31 de maio.

40 visualizações